Notícias Bolsista estuda tremores em reservatórios de hidrelétrica
Bolsista em destaque

Bolsista estuda tremores em reservatórios de hidrelétrica

Publicado: Terça, 10 Dezembro 2019 17:49 , Última Atualização: Terça, 10 Dezembro 2019 17:49

Eveline Sayão

Licenciada em Geografia pela Fundação Educacional da Região de Lagos (Ferlagos), e mestre em Geociências e Geoprocessamento pela Universidade de Brasília (UnB), Eveline Sayão é bolsista de doutorado em Geologia, também na UnB. Atualmente, estuda como detectar tremores desencadeados próximo à reservatórios de hidrelétrica no país.

Fale um pouco sobre o seu trabalho.
Eu faço doutorado em Geologia, mais focado em sismos desencadeados de reservatórios. Eu participo, junto com observatórios sismológicos desenvolvendo a pesquisa na área. Basicamente eu estudo os reservatórios do Brasil que podem ou que já desenvolveram sismos, terremotos.

Qual a importância do seu trabalho para a realidade brasileira?
Nosso país conta com mais de 1.200 barragens, e ele é muito importante neste sentido. A gente está querendo prever os desastres como rompimentos de barragens ligados a sismos.

Quais foram os resultados até agora?
Na minha pesquisa de mestrado, eu já desenvolvi uma plataforma digital onde a gente pode interagir com diversos índices, (de fatores) que podem incentivar os sismos. Então, você pode interagir na plataforma e poder entender um pouco melhor sobre os nossos reservatórios, e o que pode gerar os sismos. E até desenvolver outras pesquisas através da plataforma que eu criei.

(Brasília – Redação CCS/CAPES)
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura CCS/CAPES

Compartilhe o que você leu