Notícias CAPES publica lista de projetos selecionados para o Cofecub
Resultado

CAPES publica lista de projetos selecionados para o Cofecub

Publicado: Quinta, 19 Dezembro 2019 16:10 , Última Atualização: Quinta, 19 Dezembro 2019 16:10

O resultado do Edital nº 12 de 2019, fruto da parceria entre o Brasil e o Comitê Francês de Avaliação da Cooperação Universitária com o Brasil (Cofecub), foi publicado no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 19. Foram selecionados 25 projetos para participar do Programa CAPES/Cofecub, o acordo de cooperação internacional mais longevo da Coordenação, com 41 anos de existência.

Os projetos selecionados são de diversas áreas do conhecimento e considerados estratégicos para o desenvolvimento dos dois países. A seleção ocorreu no início deste mês, durante a visita de dirigentes da CAPES em missão à França. Cada proposta é enviada em conjunto por um coordenador de projeto brasileiro e um francês.

O CAPES/Cofecub tem o objetivo de fomentar o intercâmbio científico e a criação de redes de pesquisa entre Instituições de Ensino Superior (IES) e institutos ou centros de pesquisa e desenvolvimento públicos, brasileiros e franceses.
As pesquisas recebem financiamento para custeio por até quatro anos, com valor máximo de R$ 279 mil por ano. Também são oferecidas duas modalidades de bolsas no programa, doutorado sanduíche e estágio pós-doutoral. O edital prevê ainda mensalidade, auxílios de seguro saúde, instalação, deslocamento e adicional localidade para os bolsistas. Para as missões de trabalho, são garantidos o seguro saúde as diárias e auxílios para deslocamento.

Mauro Rabelo, diretor de Relações Internacionais da CAPES, destacou a longevidade da parceria. "A gente espera dar continuidade e comemorar os 50 anos, os 60 anos, porque, de fato, tem muita afinidade entre o Brasil e a França na linha acadêmica, no desenvolvimento de parcerias científicas e acadêmicas de formação de quadros, de formação de pesquisadores", disse.

Ao longo de quatro décadas o CAPES/Cofecub formou cerca de 3.500 doutores em 900 projetos de pesquisa. O programa surgiu com a missão de formar doutores na Região Nordeste e foi paulatinamente ampliado para todo o Brasil.
Jaime Santana, coordenador de projeto pela Universidade de Brasília, participa pela segunda vez do programa. Para ele, o CAPES/Cofecub tem objetivo nobre e gera retorno para sociedade com a formação qualificada de profissionais. “Não é só produzir ciência, é produzir ciência acoplado, conjugado com formação de pessoal especializado, em níveis de mestrado, doutorado e pós-doutorado. É por isso que o programa tem tanto sucesso”, afirma.

Durante a visita à França, também foram selecionados os projetos do Programa Brafitec, outra linha de cooperação entre os dois países, que envolve cursos de graduação em Engenharia. O resultado do Brafitec foi divulgado na última quarta-feira, 18, no portal da CAPES.

(Brasília – Redação CCS/CAPES)
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura CCS/CAPES

Compartilhe o que você leu