Notícias Mulheres na ciência: palestra mostra que é preciso mais
Igualdade de Gênero

Mulheres na ciência: palestra mostra que é preciso mais

Publicado: Segunda, 03 Setembro 2018 18:45 , Última Atualização: Quinta, 06 Setembro 2018 16:29

Na última quinta-feira de agosto, dia 30, a professora da Universidade Federal Fluminense (UFF) e pesquisadora sênior na University College London, Dr.ª Letícia de Oliveira, veio à CAPES fazer uma palestra sobre Mulheres na ciência: forças invisíveis que influenciam a representatividade feminina.

 MG 0007

À plateia, composta por funcionários e servidores da CAPES, foram apresentados dados das diferenças de gênero que ainda estão presentes nas áreas cientificas, mantendo a desigualdade nos ambientes de pesquisa e no mercado de trabalho.

O público foi estimulado a repensar pontos de vista a partir de tópicos que questionam o comportamento humano diante das questões de gênero, como: Por que mudar este cenário? Por que tão poucas mulheres na ciência? Há evidências de que nosso comportamento possa ser manipulado? Como são construídos esses estereótipos de gênero?

 MG 0017

Durante sua fala, Letícia ressaltou que “as mulheres estão, sim, presentes. Mas, elas são muitos poucas conforme vão ascendendo as posições”. A professora concluiu que falta representatividade feminina nos cargos de destaque, não só no meio científico, mas em todo o mercado de trabalho, inclusive dentro dos órgãos públicos. “Por que é importante mudar esse cenário? Primeiro, por justiça. As mulheres são metade da população e são uma força importante para o mercado de trabalho. A segunda razão é por eficiência. Já há vários estudos que mostram que a diversidade leva a uma melhor ciência”. 

Confira a matéria:

 

(Brasília – Redação CCS/CAPES)
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'CCS/CAPES

 

 

Compartilhe o que você leu